Colmeia

Espaço arejado e limpo, onda a baixaria não entra
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Necrologia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8
AutorMensagem
Fantômas

avatar

Mensagens : 5780
Data de inscrição : 12/09/2008

MensagemAssunto: Morreu Bartolomeu Cid dos Santos   Ter Mar 18, 2014 4:31 pm

.
Artista plástico Bartolomeu Cid dos Santos morreu hoje em Londres



O escritor Luís Amorim de Sousa, amigo de longa data do artista, referiu à Lusa que este se encontrava doente há já algum tempo.

Bartolomeu Cid, disse, é uma figura "fundamental na evolução da gravura", um artista de "dimensão internacional", conhecido dentro e fora da Europa, e que "dedicou a vida inteira à actividade artística".

Bartolomeu Cid dos Santos nasceu em 1931 em Lisboa, em cuja Escola Superior de Belas Artes estudou de 1950 a 1956, prosseguindo a sua formação na Slade School of Fine Art em Londres, de 1956 a 1958, com Anthony Gross.

Nesta mesma escola de belas artes londrina viria a ser professor, de 1961 a 1996, no Departamento de Gravura, tendo sido igualmente artista visitante em numerosos estabelecimentos similares na Grã-Bretanha.

Foi ainda professor visitante da Universidade de Wisconsin, em Madison em 1969 e 1980, na Konstkollan Umea, Suécia, em 1977 e 1978, no National College of Art em Lahore, Paquistão, em 1986 e 1987, e na Academia de Artes Visuais de Macau em muitas ocasiões.

Realizou a sua primeira exposição individual em 1959, na Sociedade Nacional de Belas Artes em Lisboa. Desde então expôs individualmente 82 vezes.

Trabalhos da sua autoria integram o acervo de instituições públicas e privadas nacionais e internacionais.

Têm assinatura de Bartolomeu Cid dos Santos os painéis da estação do Metro de Entrecampos em Lisboa.

As cinzas do artista serão lançadas ao rio Gilão, Tavira, um desejo manifestado em vida pelo artista, disse à Lusa o presidente da Câmara Municipal de Tavira.

Macário Correia, que esteve em contacto com a viúva de Bartolomeu dos Santos mas fairma que a família desconhece por enquanto o dia e a hora da chegada a Portugal dos restos mortais de Bartolomeu dos Santos, mas o desejo do artista em vida era ser cremado no Alto de S. João ou Olivais, Lisboa, e que as suas cinzas fossem lançadas ao rio Gilão, em Tavira, cidade onde se queria instalar definitivamente e criar um centro de desenho e gravura.

Segundo Macário Correia, o centro de desenho e gravura de Bartolomeu dos Santos vai nascer em Tavira, talvez ainda este ano, no Palácio da Galeria ou no Auto de Santana (Tavira).


Detalhe do trabalho de Bartolomeu Cid na estação de Entre Campos do Metro de Lisboa, 1993, Técnica mista

In DTM

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fantômas

avatar

Mensagens : 5780
Data de inscrição : 12/09/2008

MensagemAssunto: Morreu Adolfo Suárez   Dom Mar 23, 2014 5:22 pm

.
Morreu Adolfo Suárez

por Susana Salvador
Hoje


Adolfo Suárez (1932-2014) Fotografia © Reuters

Morreu o primeiro-ministro da transição espanhola
Adolfo Suárez (1932-2014)


Adolfo Suárez, que sofria de Alzheimer há mais de uma década, morreu hoje, aos 81 anos, no hospital em Madrid onde tinha sido internado por causa de uma infeção respiratória.O anúncio oficial foi feito pelo porta voz da família, Fermín Urbiola.

"Por expresso desejo da família, venho comunicar que Adolfo Suárez morreu. Muito obrigado pelo vosso carinho", disse Urbiola aos jornalistas, à porta do hospital onde Suárez estava internado.

Figura crucial da transição da ditadura de Franco para a democracia, Adolfo Suárez foi nomeado pelo Rei Juan Carlos para assumir a chefia do Governo em 1976, sendo confirmado nas urnas nas primeiras eleições democráticas, em 1977.

Primeiro-ministro até 1981, não se recordava do papel que tinha desempenhado, por causa da doença neurológica degenerativa de que sofria há 11 anos.

Foi durante o seu Governo que foram adotadas as principais reformas que permitiram a transição para a democracia: legalização dos partidos, incluindo do Partido Comunista, amnistia dos presos políticos e redação e aprovação em referendo da nova Constituição.

O seu estado de saúde tinha-se agravado nos últimos dias, com a família a anunciar na sexta-feira que o fim estava iminente, mas que era algo para o qual já se preparavam há 11 anos. A sua mulher, María Amparo Illana, morreu em 2001, vítima de cancro, tal como uma das suas três filhas (Suárez tinha também dois filhos).

Nascido a 25 de setembro de 1932 em Cebreros, Adolfo Suárez era advogado e desempenhou várias funções dentro das estruturas do franquismo, chegando a ser governador civil de Segóvia em 1968 e, um ano mais tarde, diretor-geral da Rádio e Televisão Espanhola. Cargo que ocupou até 1973.

Nas eleições de 1977 apresentou-se como candidato do partido União do Centro Democrático, conseguindo a reeleição em 1979. Por causa de tensões internas dentro do partido e sentindo-se privado do apoio do Rei, demitiu -se em janeiro de 1981, pouco antes da tentativa de golpe de 23 de fevereiro (protagnoziada por Tejero Molina e travada por Juan Carlos).

Em 1982, desta vez pelo novo partido Centro Democrático e Social, foi eleito deputado por Madrid. Reeleito em 1986 e 1989, abandona a política em 1991, após os maus resultados do seu partido nas municipais. A sua última aparição pública data de 2003, quando apoiou a candidatura do seu filho Adolfo Suárez Illana a presidente de Castilla-La Mancha.

In DN

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
RMaria

avatar

Mensagens : 2761
Data de inscrição : 26/08/2010

MensagemAssunto: Morreu Kumba Ialá   Sab Abr 05, 2014 10:02 pm

.
Morreu Kumba Ialá

por Lusa, publicado por Patrícia Viegas
Ontem


Kumba Ialá morreu aos 61 anos Fotografia © Reuters

Três dias de luto na Guiné-Bissau por Kumba Ialá

O governo de transição da Guiné-Bissau propôs hoje ao Presidente da República interino, Serifo Nhamadjo, que sejam decretados três dias de luto nacional pela morte de Kumba Ialá, anunciou fonte do executivo.

"O governo decidiu que devem ser decretados três dias de luto nacional. A proposta de decreto será submetida de imediato ao presidente", referiu Aristides Ocante, ministro de Estado, no final de uma reunião extraordinária do conselho de ministros.

Segundo o governante, a data do luto será definida no decreto a assinar por Serifo Nhamadjo, possivelmente ainda hoje.

"Penso que o objetivo final de realização de eleições se manterá intacto", acrescentou.

A Guiné-Bissau vive um período de campanha eleitoral com vista às eleições gerais (presidenciais e legislativas) de 13 de abril, nas quais Kumba Ialá apoiava um dos candidatos independentes à presidência, Nuno Nabian.

O ex-presidente da República da Guiné-Bissau e fundador do Partido da Renovação Social (PRS) morreu na última noite em Bissau devido a uma crise cardíaca, anunciaram fontes familiares.

A organização das cerimónias fúnebres, "dependerá da concertação entre familiares, Presidente da República, governo, todas as partes que possam estar implicadas num funeral de Estado", concluiu Aristides Ocante.

O ex-Presidente da Guiné-Bissau Kumba Ialá morreu hoje, aos 61 anos, devido a problemas de saúde. O corpo encontra-se na morgue do hospital militar de Bissau, vigiado por militares.

De etnia balanta, o político guineense fundou o Partido da Renovação Social em 1992, a segunda maior força política do país, e foi Presidente da República entre 2000 e 2003, tendo sido deposto por um golpe militar.

Kumba Ialá, que fez 61 anos a 15 de março de 2014, renunciou à vida ativa política a 01 de janeiro deste ano, alegando "haver um tempo para tudo", decidindo apoiar o candidato independente às presidenciais Nuno Nabian.

LFO // PJA

In DN

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
RMaria

avatar

Mensagens : 2761
Data de inscrição : 26/08/2010

MensagemAssunto: Morreu José Wilker    Sab Abr 05, 2014 10:46 pm

.
Morreu José Wilker

por Sofia Fonseca
Hoje


Fotografia © Steven Governo/Global Imagens

O ator brasileiro José Wilker, intérprete da famosa personagem Roque Santeiro, morreu hoje, aos 66 anos. Ainda não se sabem as causas, mas suspeita-se de enfarte.

De acordo com o colunista Anselmo Góis, do jornal "O Globo", que deu a notícia, o ator estava em casa da namorada, a jornalista Cláudia Montenegro, em Ipanema, no Rio de Janeiro, e terá sofrido um enfarte.

Pai de três filhas, José Wilker é popular em Portugal graças às inúmeras novelas que protagonizou, nomeadamente "Roque Santeiro", tendo sido ele a interpretar a personagem que deu título à novela, de 1985. A história foi um sucesso e ainda hoje as personagens Sinhozinho Malta (Lima Duarte) e Porcina (Regina Duarte) são populares.


Antes dessa, o ator já participara em "Gabriela" (1975), a primeira novela que passou em Portugal, no papel de Mundinho Falcão.


Aliás, quando foi feito um remake da novela, em 2012, o ator voltou a participar na história, desta feita como Jesuíno Mendonça, tendo popularizado a frase "Vou-lhe usar", que fez sucesso nas redes sociais.

Mas teve outras expressões que deram que falar... veja o vídeo abaixo para comprovar


A sua última novela foi "Amor à Vida", que está atualmente em exibição na SIC.

Além de novelas, José Wilker construiu uma carreira no cinema, com participação em cerca de 60 filmes, com destaque para "Os Inconfidentes", ou "O Homem da Capa Preta" ou "Dona Flor e seus Dois Maridos".


Também se aventurou na realização e até na crítica cinematográfica.

O ator é pai de Mariana, da relação com a atriz Renée Vielmond, de Isabel, do relacionamento com a também atriz Mónica Torres, e de Madá, da relação com a atual namorada Cláudia Montenegro.
Foi ainda casado com Guilhermina Guinle.

José Wilker nasceu a 20 de agosto de 1947 em Juazeiro do Norte, Ceará, tendo-se mudado para o Rio de Janeiro aos 19 anos.

In DN

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 6697
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Re: Necrologia   Qua Ago 13, 2014 11:00 pm

.
Morreu Lauren Bacall

por Filipa Ambrósio de Sousa
Hoje


O casal Bogart / Bacall, que só a morte separou

Atriz norte-americana morreu na sua casa depois de sofrer um derrame cerebral, segundo confirmou a família. Nasceu em Nova Iorque, em 1924, e casou-se com o ator Humphrey Bogart, em 1945

Lauren Bacall foi nomeada para o Óscar pelo seu papel secundário em "O Espelho tem Duas Caras", em 1997. Recebeu ainda um Óscar honorário em 2010 pela sua carreira de décadas. Contracenou em diversos filmes com Bogart como "À Beira do Abismo", estreado em 1946.

Depois da morte do ator, em 1957, casou-se com Jason Robards, em 1961 e divorciaram-se em 1969.

Para a história ficou a sua reação, na cerimónia da Academia de Hollywood, realizada em Los Angeles, em 1997, no ano em que foi nomeada pelo papel de mãe da atriz e cantora Barbra Streisand, no filme em que ainda contracenavam com Jeff Bridges.

Quando o nome da vencedora, Juliette Binoche, pelo filme "O Paciente Inglês",de Anthony Minghella, foi proferido, Bacall mostrou uma atitude claramente desiludida.

"Pensava que este prémio seria para si Lauren", disse a atriz francesa Juliette Binoche em lágrimas em pleno palco do Kodak Theatre.

Como modelo, Bacall surgiu na capa da Harper"s Bazaar, em Março de 1943 e chamou a atenção de Nancy Hawks, a esposa do realizador Howard Hawks, que o convenceu a convidar a atriz para realizar uma audição para o filme "To Have and Have Not".

Como resultado da audição, Bacall assinou um contrato de sete anos com Hawks e passou a receber 100 dólares por semana

Em 1945, Bacall entrou em "Confidential Agent", com Charles Boyer.Um filme arrasado pela crítica, causando um início da carreira de Bacall conturbado. Anos mais tarde, na sua autobiografia, Lauren Bacall afirmaria que nunca conseguira superar este episódio negativo.

Já em 1953 protagonizou um dos maiores sucessos de bilheteira de Hollywood dos anos 40 : "How to Marry a Millionaire". Com Marilyn Monroe e Betty Grable.

Lauren Bacall, filha de imigrantes judeus nos Estados Unidos, tinha três filhos.

http://www.dn.pt/inicio/artes/interior.aspx?content_id=4075750&page=-1

In DN


_________________
Os amigos? Perto! Os inimigos?Colados!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://colmeia.forumeiros.com
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 6697
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Morreu Emídio Rangel   Qua Ago 13, 2014 11:18 pm

.
Morreu Emídio Rangel

por Lusa, publicado por Marina Almeida
Ontem


Emídio Rangel no estúdio da TSF em 1988

Rangel: De fundador da TSF a diretor-geral da RTP

O jornalista, fundador da TSF e antigo diretor-geral da SIC e RTP Emídio Rangel, morreu hoje, aos 66 anos, no Hospital Egas Moniz, Lisboa, onde estava internado há 15 dias, disse à Lusa fonte próxima da família.

Nascido a 21 de setembro de 1947 em Sá da Bandeira, atual Lubango, Angola, Emídio Rangel era o mais velho de quatro irmãos, entre os quais o juiz Rui Rangel.

Com duas filhas, Emídio Rangel, que estava a lutar contra um cancro na bexiga, dez anos depois de ter vencido um tumor idêntico, tem o seu percurso para sempre ligado à génese da rádio TSF e da televisão SIC.

Licenciado em História, pela Universidade Clássica de Lisboa, chegou a frequentar o curso de Direito, mas os compromissos profissionais acabaram por impedir a sua conclusão.

Iniciou a sua atividade em 1964 na Rádio Clube de Huíla e três anos depois muda-se para a rádio Comercial de Angola onde veio a desempenhar funções de chefe dos serviços de produção.

Em 1975, Emídio Arnaldo Freitas Rangel chega a Lisboa, onde começou a vender encicloplédias, mas em breve ingressa por concurso público na RTP, ficando em segundo lugar entre 300 candidatos.

Posteriormente, Rangel abraça um novo projeto enquanto membro fundador da TSF - Cooperativa de Profissionais de Rádio. O seu nome ficaria para sempre ligado à estação, tendo sido diretor e ascendido a presidente do conselho de administração entre 1992 e 1993.

Na sua ligação ligação à TSF, um dos momentos que ficaria na memória de muitos é o célebre episódio em que Rangel utilizou um berbequim para forçar a entrada das instalações da rádio.

No seu currículo acumulou experiência como colaborador da BBC em Portugal, correspondente da TDM - Teledifusão de Macau e enquanto gerente da revista Grande Reportagem e da estação de rádio NRJ - Rádio Energia.

Entrentanto, em fevereiro de 1992, Francisco Pinto Balsemão convida-o para um novo desafio profissional, enquanto diretor de informação da SIC. Rangel pede 48 horas para refletir e aceita o convite, assumindo em abril do mesmo ano o cargo. No entanto, com a saída de Maria Elisa da direção de programas da SIC, passa a acumular as duas direções a partir de agosto do mesmo ano.

Rangel ficaria à frente da informação e dos programas até agosto de 2001, ano em que acumulou ainda o cargo de diretor-geral de Conteúdos da estação de Carnaxide, até setembro.

Um ano antes, Emídio Rangel tinha recusado o programa Big Brother, que o seu rival da TVI, José Eduardo Moniz, agarrou e fez disparar as audiências da estação de televisão de Queluz.

A guerra pelas audiências entre a SIC e a TVI, protagonizadas pelos 'titãs' dos privados Emídio Rangel e José Eduardo Moniz, acabaria por favorecer este último, que à boleia do Big Brother arranca bons resultados.

Rangel ficaria na SIC até setembro de 2001, uma saída que o mercado tinha vindo a prenunciar nos últimos meses.

Um mês depois, Emídio Rangel vai para a RTP, onde é diretor-geral até setembro de 2002.

"As pessoas têm que viver apaixonadamente os projetos, ter espaço para a criatividade, ter estímulo. Assim conseguem chegar ao topo, como chegou a TSF e a SIC", referia em maio de 1996 Emídio Rangel, num artigo no Semanário.

http://www.dn.pt/inicio/tv/interior.aspx?content_id=4076353&page=-1

In DN



_________________
Os amigos? Perto! Os inimigos?Colados!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://colmeia.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Necrologia   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Necrologia
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 8 de 8Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Colmeia :: Cultura :: Diversos-
Ir para: