Colmeia

Espaço arejado e limpo, onda a baixaria não entra
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 China

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
AutorMensagem
RMaria

avatar

Mensagens : 2761
Data de inscrição : 26/08/2010

MensagemAssunto: Excesso de cidades novas vazias preocupa Governo   Sab Ago 10, 2013 4:30 pm

.
Excesso de cidades novas vazias preocupa Governo

por Lusa, publicado por Luís Manuel Cabral
Hoje4 comentários

Muitas províncias chinesas têm construído bairros inteiros ou cidades que estão praticamente vazias, "por falta de planeamento" face ao 'boom' do mercado imobiliário chinês, advertiu hoje um responsável pelo urbanismo no Governo chinês, citado pela agência oficial de notícias Xinhua.

Segundo Runling Qiao, vice-diretor do Centro de Desenvolvimento Urbano da China, "quase cada localidade de tamanho médio ou grande tem planos para construir", na periferia, apostando numa urbanização rápida para estimular o crescimento económico.

Em muitos casos, as novas plantas das cidades são ainda maiores que as dos municípios que as promoveram e, por vezes, estão quase ou completamente vazias, disse Runling Qiao, cuja instituição que dirige depende do equivalente a um ministério de economia.

"A China tem atualmente um excesso de oferta de cidades", disse aquele responsável no fórum de desenvolvimento urbano realizado na província oriental de Jiangxi, dando como exemplo o caso de Kangbashi, uma cidade do norte da China, na Mongólia interior, projetada para acomodar 1,5 milhões de pessoas mas que atraiu somente dezenas de milhar de compradores, apesar de ter parques faraónicos, teatros e museus.

Estatísticas oficiais revelam que a terra urbanizada na China aumentou 83,41% entre 2000 e 2010, enquanto a população urbana cresceu apenas 45,12 por cento nesse período.

O Governo central chinês está preocupado com a gestão económica de muitos conselhos locais, fortemente endividados, e, recentemente, anunciou uma auditoria à dívida do Estado, que começou no dia 01 de agosto.

In DN

Embarassed
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fantômas

avatar

Mensagens : 5780
Data de inscrição : 12/09/2008

MensagemAssunto: Julgamento de ex-dirigente chinês Bo Xilai começa 5.ª   Dom Ago 18, 2013 4:05 pm

.
Julgamento de ex-dirigente chinês Bo Xilai começa 5.ª

por Lusa, texto publicado por Isaltina Padrão
Hoje


Julgamento de ex-dirigente chinês Bo Xilai começa 5.ª
Fotografia © Direitos Reservados

O julgamento do ex-dirigente chinês Bo Xilai, que será aberto ao público, vai ter início na próxima quinta-feira em Jinan, na província de Shandong, anunciou hoje a agência noticiosa oficial Xinhua (Nova China).

Antigo responsável do Partido Comunista Chinês (PCC) na gigante metrópole de Chongging, Bo Xilai foi recentemente acusado de corrupção e abuso de poder.

O ex-dirigente vai responder na Justiça pelo desvio de 25 milhões de yuan (três milhões de euros) e por entrave ao inquérito criminal da mulher (acusada do homicídio de um britânico, crime na base de um escândalo que abalou o PCC), segundo a revista económica Caijing, uma das publicações mais respeitadas na China.

As acusações remontam à década de 1990, quando Bo Xilai dirigia a cidade de Dalian. Só depois assumiu uma posição de destaque na hierarquia do PCC em Chongging.

Bo Xilai foi demitido das funções devido à implicação da mulher no homicídio.

O antigo dirigente deverá ser condenado. Na China, os tribunais funcionam sob o controlo direto do PCC, no poder, e os juízes não contestam as acusações formuladas pelo partido único.

In DN

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fantômas

avatar

Mensagens : 5780
Data de inscrição : 12/09/2008

MensagemAssunto: Inundações na China fazem pelo menos 37 mortos   Dom Ago 18, 2013 4:12 pm

.
Inundações na China fazem pelo menos 37 mortos


por Lusa
Hoje


Inundações na China fazem pelo menos 37 mortos
Fotografia © Reuters

Pelo menos 37 pessoas morreram em inundações que atingiram esta semana o nordeste da China, segundo um novo balanço atualizado hoje pela agência noticiosa oficial Xinhua (Nova China).

Provocadas por fortes chuvas, as inundações atingiram nos últimos dias as províncias de Liaoning, Jilin e Heilongjiang.

Nesta última, particularmente afetada, estima-se que os prejuízos ascendam a 7,13 mil milhões de yuan (870 milhões de euros) e foram retirados 140 mil habitantes.

Em Jilin, onde perto de 106 mil pessoas foram retiradas, os danos estão avaliados em 2,4 mil milhões de yuans (292 milhões de euros).

Muitas áreas da China estão sujeitas a inundações sazonais, quando as chuvas de verão provocam a subida dos níveis dos rios.

O sul do país foi atingido esta semana por um tufão acompanhado de ventos fortes e chuvas torrenciais, que fizeram pelo menos dez mortos, de acordo com um balanço oficial divulgado no sábado.

Ao mesmo tempo, grande parte do restante território continua a viver uma vaga de calor sem precedentes.

Desde o início do mês de agosto, Xangai tem registado temperaturas históricas, inéditas em pelo menos 140 anos, enquanto Zhengzhou, no centro, conhecida pelo seu clima temperado, viu as temperaturas ultrapassarem os 45 graus, segundo um diário local.

In DN

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Romy

avatar

Mensagens : 5711
Data de inscrição : 23/08/2008

MensagemAssunto: Voz liberal nas redes sociais chinesas detido em Pequim   Dom Ago 25, 2013 10:29 pm

.
Voz liberal nas redes sociais chinesas detido em Pequim


Hoje

O investidor sino-americano Charles Xue, conhecido pelas apostas em empresas de tecnologia e voz liberal nas redes sociais chinesas, encontrava-se hoje sob custódia da polícia de Pequim "para auxiliar as autoridades numa investigação".

Segundo a polícia, Xue, conhecido na China pelo nome em mandarim Xue Manzi, foi colocado sob detenção administrativa na sexta-feira numa urbanização no norte de Pequim, juntamente com uma mulher de 22 anos, suspeita de um caso de prostituição, noticia a agência Efe.

"Depois de serem interrogados, os dois confessaram atos de implicação em prostituição", indicou a polícia de Pequim na sua conta de Weibo, equiparado à rede social Twitter.

A detenção de Xue soma-se a uma série de detenções nos últimos dias de pessoas que se têm destacado por denúncias nas redes sociais chinesas.

Também na sexta-feira foi detido o jornalista chinês Liu Hu, que tinha denunciado a alegada corrupção de Ma Zhengqi, na cidade da sua residência, Chongqing, no centro da China.

Xue, cofundador da empresa UT Starcom, é uma das vozes liberais mais destacadas nas redes sociais chinesas e conta com mais de 12 milhões de seguidores na sua conta de Weibo, onde até à sua detenção colocava dezenas de mensagens diárias.

Através da sua conta lançou uma campanha de consciencialização sobre o tráfego de menores na China e uma iniciativa que arrecadou cerca de 100.000 de yuan (cerca de 12.000 euros) para que uma menina pudesse custear o tratamento médico da sua mãe.

A polícia chinesa aplica "detenção administrativa" para casos de delitos menores e normalmente dura um máximo de 15 dias, sem que seja necessária a realização de julgamento, descreve a Efe.

A detenção administrativa pode transformar-se em "detenção criminal", que pode levar a uma investigação penal e à realização de julgamento.

FV // FV.

Lusa/fim

Este texto da agência Lusa foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

In DN

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 6697
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Partidários de Bo Xilai criam novo partido na China   Dom Nov 10, 2013 11:28 pm

.
Partidários de Bo Xilai criam novo partido na China


por Lusa
Hoje

Partidários do ex-ministro chinês do Comércio Bo Xilai, condenado a prisão perpétua por corrupção, criaram um novo partido político na China que nomeia presidente vitalício o antigo político.

O novo partido é também um claro desafio à autoridade do Partido Comunista que proíbe, "de facto", a criação de grupos políticos contrários à sua gestão.

De acordo com a edição de hoje do diário South China Morning Post, de língua inglesa que se publica em Hong Kong, o Partido "Zhi Xian", que significa que a "Constituição é a autoridade suprema", foi formado quarta-feira, três dias antes do início da reunião política mais importante do ano que irá definir as próximas reformas económicas e sociais no país.

A nova formação nomeia "presidente vitalício" Bo Xilai, que foi um dos políticos com maior projeção na China e representante da corrente 'neomaoísta' do Partido, explicou ao diário uma das fundadoras, Wang Zheng.

Professora de comércio internacional no Instituto de Economia e Gestão de Pequim, Wang Zheng defendeu que a criação do "não é ilegal sob a lei chinesa".

"É legal e razoável", disse.

Numa carta aberta publicada na Internet um dia depois da formação do novo partido, Wang Zheng explicava que é uma professora comum, que nunca conheceu pessoalmente Bo Xilai, mas que a sua figura a inspirou, tal como ficou impressionada com a sua atitude combativa em tribunal.

Wang Zheng disse também que não teve qualquer problema com as autoridades e que a criação do novo partido, permitido por lei, mas impedido na prática pela política do Partido Comunista, não foi pensada para qualquer data coincidente com a reunião que decorre em Pequim.

Os responsáveis do novo partido garantem ainda terem informado as autoridades chinesas da criação do "Zhi Xian", bem como dizem que o diretor da prisão onde está detido Bo Xilai lhe disse que este tinha sido nomeado presidente vitalício, mas desconhecem qual a resposta do antigo dirigente.

Bo Xilai, que defendeu e implementou na cidade de Chongqing, centro do país, práticas populistas da era maoísta era um dos líderes de maior projeção no país antes de ser envolvido num escândalo de corrupção que levou á cadeia também a sua mulher e vários homens da sua confiança.

In DN


_________________
Os amigos? Perto! Os inimigos?Colados!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://colmeia.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: China   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
China
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
 Tópicos similares
-
» [Dúvida] Selos - Bandai
» [Localidade] - Em Algum Lugar da Cidade
» Full House version Chinese
» (China)Master Devil Do Not Kiss Me
» [VENDA] - Importações direto da China!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Colmeia :: Actualidade Mundial :: Resto do Mundo-
Ir para: